Atendimento: (11) 3657.6135 / (11) 96750.2684 oi / (11) 95649.0384 vivo
twitter instagram

Artigos / Convívio harmonioso entre gatos e crianças

Convívio harmonioso entre gatos e crianças

Convívio harmonioso entre gatos e crianças

É POSSIVEL CRIAR UM GATO JUNTO COM CRIANÇAS? 

O maior receio dos pais sempre é o gato agredir os filhos, mas na verdade o cuidado deve ser ao contrario, ensinar e educar muito bem o filho a respeitar um animal que é mais sensivel que o cachorro, esse é um dos grandes benefícios e desafios desse convívio, ensinar a criança que há limites nessa relação e que ela não pode fazer tudo o que quiser com o gato, principalmente se for um gatinho filhote, a criança já cresce com limites e vai levar isso para a vida toda!

Numa regra geral, gatos não são agressivos a toa, pelo contrario, são animais amorosos, engraçados, estimulantes, curiosos, fofos, lindos, limpos e muito brincalhões, uma companhia e tanto para crianças!

Diferente dos cães, que são parceiros para brincadeiras, os gatos estimulam o outro lado das crianças, o lado mais calmo e amoroso, quando a criança ve um cão, ela quer brincar, quando ve um gato, quer cuidar e mimar!

Uma coisa muito importante para ensinar a seus filhos para uma convivencia harmoniosa, é sobre respeitar o espaço do gato, eles gostam de ter seu momento de sossego, e precisam dormir bastante por dia para se manterem equilibrados, disponha ao gato lugares que ele possa se esconder e ficar tranquilamente sem ser acordado pelas crianças!

E AS ALERGIAS?

Pode acontecer que uma criança demonstre alergia, mas,  na grande maioria dos casos não é o gato que causou a alergia. Inclusive, algumas pesquisas atuais defendem que o contato com animais desde cedo ajuda a que o próprio organismo se torne mais resistente criando anticorpos, mas caso seu filho já demonstre algum tipo de alergia, é muito importante levar em consideração a opinião do médico em ter ou não um animal.

E OS ARRANHADOS?

 Arranhoes e mordidinhas são normais em brincadeiras e defesa dos gatos, se acontecer, não repreenda ou bata no gato para não piorar seu comportamento, pelo contrario, demonstre calma pra criança, sorria e não se desespere, lave o local com água e sabão e aplique um antiseptico, se for mais profundo, cuidados medicos podem ser necessários! Mas há algumas atitudes suas que podem evitar os arranhados:

1-      Adote um gato adulto e tenha convivio com ele junto com seus filhos antes de leva-lo pra casa, geralmente gatos naduros brincam bem menos de arranhadas e mordidinhas.

2-      Ensine seu filho a interagir com o gato com respeito e mais calma.

3-      Corte a unha do gato sempre que possivel, somente a ponta como mostra nessa imagem, e, no inicio, a cada pata que vc cortar as unhas de petiscos deliciosos para o gato e faça bastante carinho, se você tiver medo de cortar a unha, vale a pena levar ao pet shop ou ao veterinário para fazer isso por você!

4-      Permita que o gato tenha lugar pra se esconder quando quiser socego!

Seguindo esses passos, o convívio entre seus filhos e um gato tem tudo para dar certo! Fizemos um video sobre esse assunto, veja AQUI!

Desejamos boa sorte para sua família! 

Fonte alergias: http://revistacrescer.globo.com/Revista/Crescer/0,,EMI5549-15331,00.html